domingo, 29 de novembro de 2015

Minha opinião sobre o livro "Harry Potter e o Príncipe Misterioso" da escritora J. K. Rowling


Harry Potter e o Príncipe Misterioso

de J. K. Rowling; 
Tradução: Alice Rocha
Edição/reimpressão:2014
Páginas: 512
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722334457
Coleção: Estrela do Mar
Preço:19.19 euros
Sinopse:
"Voldemort está mesmo de volta! Esta é a terrível confirmação que agita o início do sexto ano na escola de feitiçaria de Hogwarts.
O crescente poder maléfico de Voldemort e do seu vasto exército de Devoradores da Morte é cada vez mais visível, não só no mundo da Magia como no mundo dos Muggles. Agora, mais do que nunca, é necessário reunir forças para combater o mal e, para isso, Harry e Dumbledore visitam o passado misterioso de Voldemort e o coração da magia negra, e desvendam alguns segredos verdadeiramente espantosos. Mas são muitos mais os enigmas que Harry terá de resolver, entre eles, um muito especial - quem é o príncipe misterioso a quem pertenceu o livro sobre poções que Harry recebeu e que revela conhecimentos poderosíssimos e perigosos? Poderá contar com ele como aliado ou será mais um inimigo a vencer? Neste penúltimo livro da série, as forças são testadas até ao limite, e Harry terá de apelar a toda a sua coragem e determinação para prosseguir na luta contra o terrível senhor das trevas!...Será que vai conseguir?"retirado da contracapa do livro

Harry Potter e o Enigma do Príncipe
Minha opinião:
A primeira vez que li este livro, como só saía um livro por ano, tive que reler o livro anterior, para me sentir novamente dentro do mundo mágico e de feitiçaria de Hogwarts. 
Agora que fiz esta releitura e como não tenho de esperar um ano para ler o próximo livro, as leituras têm sido seguidas e extraordinárias.
Este livro revela acontecimentos do passado de Voldemort que muito honestamente já não me recordava de todos. Uma grande parte desta história é Harry e Dumbledore a visualizarem o quem foi Voldemort antes de se ter tornado no Feiticeiro das Trevas, onde vivia ele, quem eram os seus pais, seria Voldemort de linhagem pura, isto é, filho de feiticeiros ou teria um dos pais pertencente ao mundo dos Muggles? O que levou Voldemort a usar a magia negra, porquê o seu fascínio por esse lado da magia?
Tudo isto é desvendado neste livro e muito mais.
Mas a parte mais engraçada, no início, é que Harry Potter que sempre foi um péssimo aluno a Poções que era a disciplina dada por Snape um dos professores que Harry menos gostava e Snape também não gostava nada de Harry, começou a tornar-se o melhor aluno da turma. Mas isto não teria sido possível sem o livro sobre poções que Harry recebeu e que tinha apontamentos que o ajudavam a fazer as poções, este livro pertencia ao Príncipe Misterioso. Agora Harry tinha mais um "problema" que era descobrir quem era esse Príncipe Misterioso e porque decidiu ajudar ele Harry, seria uma ajuda no bom sentido ou uma artimanha da magia negra que estava espalhada por toda a escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts.
Bom este livro é mais uma vez brilhante, devo confessar que acho que este livro foi o pior a ser adaptado ao cinema. Claro que nenhum dos filmes chega aos calcanhares dos livros mas este para mim foi o pior.

Recomendo vivamente a leitura da série.
Classificação de 5***** no Goodreads.
Excelentes leituras!

Minha opinião sobre o livro "Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban" da escritora J. K. Rowling

Começo por pedir desculpas por só agora dar a minha opinião do terceiro volume da saga do Harry Potter. Não sei o que me aconteceu mas pensei sinceramente que tinha escrito a opinião antes de começar a ler "Harry Potter e o Cálice de Fogo", contudo agora que terminei a saga fui ler as opiniões e verifiquei que não tinha feito a deste terceiro livro da saga. Mas mais tarde do que nunca e aqui vai ela.

Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban

de J. K. Rowling
Edição/reimpressão:2014
Páginas: 416
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722326018
Coleção: Estrela do Mar
Preço:12,90 euros
Não o tive de comprar pois tive o prazer de receber os volumes todos da Editora Presença, os com as novas capas. Agora tenho os primeiros que foram lançados em portugal e os novos com capas muito bonitas.
Sinopse:
«Faltavam ainda algumas semanas para o fim de mais umas horrendas férias de Verão com os Dursleys, quando Harry ouve a triste notícia da vinda da detestável tia Marge! Quebrando as leis de Hogwarts, Harry não resiste a usar os seus poderes de feiticeiro e acaba por abandonar a casa dos tios, deixando a perplexa tia Marge, mais inchada do que um balão, a flutuar junto ao tecto da cozinha dos Dursleys... Mas este terceiro ano de Harry Potter na Escola de Magia e Feitiçaria esconde perigos insuspeitados.
De Azkaban, a prisão-forte para feiticeiros, evade-se o prisioneiro mais temido, Sirius Black, que muitos dizem ser o fiel servidor de Voldemort, o Senhor das Trevas.
E porque repetiria ele, durante o sono, a frase "Ele está em Hogwarts...Ele está em Hogwarts"? Estaria a referir-se a Harry Potter? Tudo indica que sim. O nosso herói não está a salvo nem mesmo dentro das paredes da Escola, agora que o lado negro está a reunir as suas forças.
A atmosfera em Hogwarts torna-se cada vez mais tensa.
Quem é, afinal, Sirius Black? Porque é que os Dementors, os guardas de Azkaban, têm um efeito tão devastador sobre Harry? Haverá realmente um traidor entre os seus amigos de Hogwarts? A cada novas aventura, Harry enfrenta forças mais poderosas, a cada nova aventura, levanta-se um pouco mais o véu que esconde os mistérios da sua família...»retirado da contracapa do livro

Trailer de "Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban"

Minha opinião:
Para mim este livro foi a reviravolta dos livros de J.K.Rowling, deixamos de ter um pequeno feiticeiro, que vivia um pouco num de fantasia, linda mas ainda muito "inocente" e passamos a uma fantasia mais assustadora e arrepiante.
Com o uso da feitiçaria Harry Potter quebrou uma das regras básicas de Hogwarts, mas neste terceiro ano muitas regras vão ser quebradas. Um perigoso seguidor do Voldemort consegue fugir da prisão mais segura do mundo de Hogwarts. Contudo nem tudo o que parece ser neste livro é realmente na realidade. Será Sirius tão perigoso como se pensa, ou será um amigo, do pai de Potter.
Adorei este livro por todas as reviravoltas que ele dá, até um animal de estimação se pode tornar terrivelmente perigoso para Harry e os seus amigos.
Este foi realmente o livro que a meu ver deu a reviravolta no mundo de Feitiçaria e Magia de Hogwarts.
Recomendo vivamente a leitura desta saga.
Classificação de 5 estrelas no Goodreads.
Excelentes leituras!

sábado, 28 de novembro de 2015

Desafio Natalício - Maratonas, Desafios e Leituras Conjuntas

Mais uma vez o grupo Maratonas, Desafios e Leituras Conjuntas, moderado pela Tita, do blog O Prazer das Coisas, pela Sara, do blog O Encanto das Histórias e por mim; não deixou passar em claro esta época tão especial que se aproxima - o Natal.
Então foi criado no site do Goodreads um desafio para a época do Natal que tem o nome de Desafio Natalício.
Este desafio vai decorrer no mês de dezembro, claro está, o mês das festas de natal e das prendinhas no sapatinho.
Logo começa dia 1 de dezembro e termina dia 31 do mesmo mês.

O desafio consiste no seguinte:
-Ler pelo menos três livros das categorias que se seguem tendo em conta que o mesmo livro pode abranger mais que uma categoria.

As categorias são as seguintes:

1-Um livro cuja ação se desenrola no Natal ou que tenha a palavra "Natal" no título;

2-Um livro que nos faça recordar o tempo frio - Um livro que tenha no título as palavras "Frio", "Neve" ou "Inverno", ou cuja capa seja branca ou tenha neve;

3- Como estamos no mês do Natal e as cores verde e vermelha são cores que associamos sempre a este período - Ler um livro com capa verde ou vermelha ou com ambas as cores;

4- Ler um livro infanto-juvenil, com ou sem ilustrações que se desenrole no Natal;

5- Ler um livro cujo título tenha uma das palavras - Paz, Prenda, Presente (no sentido de oferta, prenda) ou Amor - ou cuja ilustração da capa as represente, como por exemplo, um casal apaixonado, ou uma prenda ou até mesmo algum símbolo natalício;

6-Ler um livro que tenha no título o nome de uma cidade ou pais onde gostarias de passar esta época festiva.

Ao todo têm seis categorias e voltamos a referir que não têm que ler livros para todas as categorias, mas apenas para 3. Mas é claro, que se quiserem, podem ler livros para as seis categorias.

As inscrições já começaram se quiserem podem  participar, basta que cliquem aqui, vai ser divertido e diferente.

Boas leituras.

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Divulgação da Editora Livros de Ontem | Workshop de Escrita Criativa

O seu presente de Natal!

Workshop de Escrita Criativa

Se quer ser escritor, comece a escrever.
Se é apaixonado pela arte de escrever e quer desenvolver esse talento, um workshop de escrita criativa é mesmo o que está a precisar.
 
Por apenas 9,90€ venha descobrir o nosso workshop de Escrita Criativa que lhe dará todas as ferramentas necessárias ao planeamento do seu próximo livro.
 
No nosso curso poderá:
 
Conhecer e dominar as ferramentas de base para a criação de um projeto editorial;
Fazer um planeamento eficaz para a escrita;
Saber ultrapassar o bloqueio criativo;
Encontrar o próprio estilo literário.

Inscreva-se já!
Formador: João Batista | Livros de Ontem

9,90€

 
5 de Dezembro
9h às 13h
1 diploma
Inscreva-se!
Porque vale sempre a pena apostar na nossa formação pessoal, nada melhor do que frequentar um: 

Workshop de Escrita Criativa

Mais uma brilhante iniciativa da editorial Livros de Ontem...eu se puder lá estarei a marcar a minha presença.
Obrigada Livros de Ontem.
Boas leituras a todos com a Editorial Livros de Ontem. Não se esqueçam está a chegar ao Natal, época de prendas. Já pensou em oferecer um livro diferente dos habituais? Consulte o site de Livros de Ontem e vai encontrar obras diferentes para este Natal.

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Chiado Editora Divulga o livro "Segundo a Lei da Arma" do escritor José Casado Alberto

Mais uma excelente aposta em jovens escritores portugueses feita pela Chiado Editora. Desta vez o escritor é José Casado Alberto, com o que promete ser um excelente livro, que se intitula "Segundo a Lei da Arma". Um título que deixou-me a pensar qual seria o tipo de género literário sobre o qual o escritor iria escrever, estou desejosa por o ler.
Segundo a Lei da Arma
José Casado Alberto
Data de publicação: outubro de 2015
N.º páginas: 206
ISBN: 978-989-51-5081-6
Coleção: Viagens na Ficção
Género: Ficção
Preço formato Papel:10,00 euros
Preço formato eBook: 3,00 euros
Sinopse:
«O Corvo sobrevoava o deserto do Novo México. Atraído pelo chamamento do sangue, chegou a uma solitária montanha pintada em tons alaranjados. Abaixo, três figuras: um fora da lei, um ranger e um caçador de recompensas— três representantes do melhor e do pior que a espécie humana tem para oferecer— dançavam uma dança tão antiga como a própria existência: a dança da morte.
Texas Red. Filho perdido do povo Navajo e criminoso sanguinário, produto das tragédias que assolaram o seu povo.
Olhos-Azuis. Personificação estóica do velho oeste e da ideia de que as leis apenas existem porque homens poderosos asseguram a sua existência.
Forasteiro de Negro. Sádico e desprovido de quaisquer escrúpulos. Ele cospe na face das leis da sociedade e obedece apenas ao seu depravado e rígido código moral.

No final do dia, estes três homens demonstrarão que quando o homem despe as ilusões efémeras da sociedade apenas uma lei sobrevive— A Lei da Arma.» retirado daqui
O Autor - José Casado Alberto -
Nascido a 11 de Novembro de 1990, José Casado Alberto foi criado nas margens da ria de Aveiro, local onde ainda reside actualmente. Desde cedo mostrou interesse pela arte do contador de histórias, desde o romance ao documento histórico, passando pelo filme, série ou videojogo.
Em meados de 2014, começou a formular a base daquele que se viria a converter no seu trabalho inaugural “Segundo a Lei da Arma” ao ouvir a música Big Iron da banda sonora de um dos seus videojogos favoritos.
Presentemente, estuda Biotecnologia na Universidade de Aveiro.

Marty Robbins - Big Iron (Fallout New Vegas)

Não posso deixar de referir que tomei conhecimento da obra de José Casado Alberto através de um e-mail que ele me enviou, a solicitar que eu divulga-se o seu livro. Aceitei fazer mas teria que o ler, na indisponibilidade do José me enviar o livro a título pessoal, solicitei a Chiado Editora, explicando a situação e solicitando o envio do livro. Mais uma vez a Chiado Editora teve uma atitude brilhante e enviou de imediato o livro, muito obrigada à Chiado Editora.
Mas queria deixar um agradecimento muito especial, cheio de carinho ao escritor José Casado Alberto, por me atribuir esta enorme responsabilidade não de divulgar o seu primeiro livro mas de dar a minha honesta e sincera opinião. Obrigada José pelo voto de confiança que me atribuis-te e quero que saibas que é com uma enorme honra que vou ler o teu primeiro de muitos livros.
Obrigada Chiado Editora pela vossa disponibilidade e aceitação dos meus pedidos. Mas acima de tudo obrigada por existir uma editora como a Chiado Editora, que aposta sem reservas nos jovens escritores portugueses e que permite a mim como uma simples bloguer ter o enorme prazer de ler e dar a minha sincera e honesta opinião.

Obrigada Chiado Editora por existir no mundo editorial português.

Leiam e ofereçam no natal de 2015 livros de escritores jovens mas portugueses que a Chiado Editora tão gentilmente  lança para as prateleiras das livrarias a nível nacional.
Obrigada Chiado Editora e um abraço muito grande a ti José que estás a iniciar uma longa caminhada. Em breve terás a minha opinião aqui no blogue.

Boas leituras na companhia da Chiado Editora.

Chancela digital da Porto Editora-Coolbooks - "Egoísta" da escritora Cláudia Gameiro

Mais uma vez tive o prazer de receber o eBook de uma jovem escritora portuguesa, Cláudia Gameiro, que foi gentilmente cedido pela Chancela digital - Coolbooks - da Porto Editora. Deixo aqui o meu muito obrigada, pelos envios que têm realizado que me permitem conhecer e divulgar as obras de novos escritores nacionais.

Egoísta (eBook)

de Cláudia Gameiro
Edição/reimpressão:2015
Páginas: 330
Editor: Coolbooks
ISBN: 978-989-766-053-5
Idioma: Português
Preço: 6,99 euros
Gentilmente oferecido pela chancela digital - Coolbooks - da Porto Editora.
Sinopse:
«Será a mulher do século XXI egoísta ou apenas humana?
Numa viagem literária pelo mundo feminino e pelo papel da mulher na sociedade, Egoísta conta a história de mulheres que foram concretizando as suas escolhas individuais, contrariando estereótipos e rompendo limitações.
Clementina, Adriana e Judite são três mulheres diferentes, mas com algo em comum: o descontentamento pela visão condicionada que a sociedade tem do que é ser mulher, e uma vontade avassaladora de a contrariar.
Com cenários que oscilam entre o exotismo de Macau e a ruralidade de uma pequena aldeia portuguesa em meados do século XX, Egoísta é um romance narrado de forma sagaz que nos faz pensar no poder das escolhas e no que isso representa para os outros.
Qual será a ideal: a mulher moralista, a femme fatale ou a egoísta? Consegue escolher?»retirado daqui

Mal leia o livro, que estou desejosa por o realizar, deixarei aqui no blog, a minha sincera e honesta opinião.
Aproveitem esta época natalícia para oferecer livros aos amigos e familiares...Comprem livros da Porto Editora, a editora sempre perto do leitor.
Boas leituras!

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Novidades da Editorial Bizâncio - «Casas com Escritos» de Margarida Acciaiuoli

     Novidade - Disponível a 2 de Dezembro
Mais um livro da Editorial Bizâncio que vai ser lançado no dia 2 do mês de dezembro, uma excelente prenda de Natal para oferecer a alguém que goste de leitura.
Editorial Bizâncio uma editora sempre perto de si, para que possa ler os livros que mais gosta.
Leia e ofereça livros da Editorial Bizâncio.

terça-feira, 24 de novembro de 2015

Chiado Editora Divulga o livro "Fomos Instantes" da escritora Débora Macedo Afonso

Mais uma excelente aposta em jovens escritores portugueses feita pela Chiado Editora. Desta vez a escritora é a Débora Macedo Afonso com o que promete ser um excelente livro, que se intitula "Fomos Instantes". Só o nome já me cativa como leitora, estou desejosa por o ler.
Fomos Instantes
Débora Macedo Afonso
Data de publicação: junho de 2015
N.º páginas: 106
ISBN: 978-989-51-4368-9
Coleção: Viagens na Ficção
Género: Romance
Preço formato Papel:11,00 euros
Preço formato eBook: 3,00 euros
Sinopse:
«Vitória era aluna no Instituto Politécnico de Bragança e frequentava o seu último ano de licenciatura quando descobriu a magia do primeiro amor.
Ela era responsável e determinada mas viu a sua vida virada do avesso ao apaixonar-se perdidamente por Guilherme, um jovem de pensamentos incertos e atitudes inconstantes. Apesar de terem personalidades diferentes acabaram por se completar.
Desde a partilha de momentos únicos até à entrega total de sentimentos, saborearam a loucura e a intensidade de instantes irrepetíveis. Contudo, será que aquilo que os unia era forte o suficiente para enfrentar as surpresas da vida?»retirado daqui
A Autora - Débora Macedo Afonso -
«Débora Macedo Afonso nasceu em Bragança a 10 de Maio de 1993. Estuda Línguas para Relações Internacionais na sua cidade natal.Inspirada nas experiências académicas e nas peripécias da vida dá por terminado a sua primeira obra.
É uma jovem divertida que gosta de viajar e cozinhar, especialmente fazer Cupcakes.»retirado daqui
Não posso deixar de referir que tomei conhecimento da obra de Débora através de um e-mail que ela me enviou, a solicitar que eu divulga-se o seu livro. Aceitei fazer mas teria que o ler, na indisponibilidade da Débora me enviar o livro a título pessoal, solicitei a Chiado Editora, explicando a situação e solicitando o envio do livro. Mais uma vez a Chiado Editora teve uma atitude brilhante e enviou de imediato o livro, muito obrigada à Chiado Editora.
Mas queria deixar um agradecimento muito especial, cheio de carinho à escritora Débora Macedo Afonso, por me atribuir esta enorme responsabilidade não de divulgar o seu primeiro livro mas de dar a minha honesta e sincera opinião. Obrigada Débora pelo voto de confiança que me atribuis-te e quero que saibas que é com uma enorme honra que vou ler o teu primeiro de muitos livros.
Obrigada Chiado Editora pela vossa disponibilidade e aceitação dos meus pedidos. Mas acima de tudo obrigada por existir uma editora como a Chiado Editora, que aposta sem reservas nos jovens escritores portugueses e que permite a mim como uma simples bloguer ter o enorme prazer de ler e dar a minha sincera e honesta opinião.

Obrigada Chiado Editora por existir no mundo editorial português.

Leiam e ofereçam no natal de 2015 livros de escritores jovens mas portugueses que a Chiado Editora tão gentilmente  lança para as prateleiras das livrarias a nível nacional.
Obrigada Chiado Editora e um abraço muito grande a ti Débora que estás a iniciar uma longa caminhada. Em breve terás a minha opinião aqui no blogue.

Boas leituras na companhia da Chiado Editora.

Divulgação Porto Editora | Lançamento | Seis séculos de epopeia contados aos mais novos

Seis séculos de epopeia contados aos mais novos 
Assinalando os 600 anos do início da Expansão portuguesa, com a conquista de Ceuta, em 1415, surge o livro que se debruça sobre um dos períodos mais marcantes da História de Portugal. 
A minha História dos Descobrimentos
Autores: Elisabete Jesus e Eliseu Alves 
Editor: Porto Editora
Edição/reimpressão: 2015
ISBN: 978-972-0-70278-4
Págs: 128 
PVP: € 17,70 
Preço WOOK: € 15,93 

A minha História dos Descobrimentos é o título da nova aposta da Porto Editora dirigida aos leitores mais jovens. Da autoria de Elisabete Jesus e Eliseu Alves, dois experientes professores de História e autores de livros escolares que, no ano passado, se estrearam nesta área editorial com o A minha História de Portugal, este novo trabalho proporciona uma abordagem diferente a um dos mais ricos e fascinantes períodos da nossa História. Este livro é um desafio lançado aos jovens leitores – um desafio a conhecer os protagonistas, os ideais que alimentaram a aventura dos Descobrimentos, os mitos que se enfrentaram, os locais por onde passaram os portugueses, as mudanças que provocaram e as marcas desses encontros de cultura que ainda perduram. Através de textos claros e concisos, os autores narram os principais momentos deste período, documentados por imagens de época ou reconstituições panorâmicas que recriam o passado e mostram as viagens, os lugares, as pessoas, e focam ao pormenor aspetos relacionados com a vida naqueles tempos. É de salientar o trabalho de design, da responsabilidade de Margarida Sarabando, e de ilustração, da autoria de Rui Mourão e André Marques (capa), que contribuem de sobremaneira para o visual apelativo desta obra. Organizada em sete capítulos, cada um dedicado a diferentes momentos da Expansão portuguesa, esta obra inclui sugestões de visita a espaços e monumentos históricos, uma cronologia geral dos Descobrimentos e um glossário completo. 

O livro A minha História dos Descobrimentos será apresentado no próximo dia 29 de novembro (17:00, FNAC NorteShopping) e também a 6 de dezembro, em Lisboa (11:00, Bertrand do Chiado).  

Sinopse:
               A minha História dos Descobrimentos
              Quem foi o Infante D. Henrique? 
               O que era o mar tenebroso? 
                  Por onde viajou Vasco da Gama? 
            Como era viver a bordo de uma nau? 
          Quem eram os "namban"?
               Que riquezas se exploravam no Brasil?

A minha História dos Descobrimentos responde-te a estas e muitas outras questões da grande epopeia portuguesa iniciada há 600 anos. Desafiamos-te a conhecer os protagonistas, os ideais que alimentaram esta aventura, os mitos que se enfrentaram, os locais por onde passaram os portugueses, as mudanças que provocaram e as marcas desses encontros de cultura que ainda perduram.
• Textos claros e concisos narram os principais momentos da grande aventura dos Descobrimentos portugueses.
• Imagens de época documentam as narrativas.
• Reconstituições panorâmicas recriam o passado e mostram as viagens, os lugares, as pessoas.
• Aspetos relacionados com a vida na época dos Descobrimentos vistos ao pormenor.
• Descrições visuais da evolução do Império Português até à atualidade.
• A grande herança dos Descobrimentos - monumentos e transformações operadas no mundo.
Uma forma divertida mas rigorosa de conhecer a História dos Descobrimentos feita a pensar nos mais novos!
Os autores:
Elisabete Jesus
«Natural de Vila Nova de Gaia, licenciou-se em História pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto, onde também veio a concluir, mais tarde, o Mestrado em História Moderna. É investigadora e professora de História desde 2002. A partir deste ano iniciou também a colaboração com a Porto Editora na criação de materiais pedagógicos na área da História. É coautora de manuais escolares de diferentes ciclos de ensino. 
A minha História de Portugal, publicada em 2014, foi o seu primeiro livro de referência destinado a crianças e jovens. A continuidade deste projeto surge agora com a publicação de A minha História dos Descobrimentos, no ano em que se celebram os 600 anos do arranque deste período.»
Eliseu Alves
«Licenciado em História pela Universidade Portucalense do Porto, Eliseu Alves é, há mais de 20 anos, professor nos 2.º e 3.º ciclos do Ensino Básico e Secundário. Coautor de manuais escolares das disciplinas de História e Geografia de Portugal e de História.
Lançou-se na aventura de publicar um livro de referência destinado a crianças e jovens, em 2014, com A minha História de Portugal em parceria com Elisabete Jesus. A mesma equipa propõe-nos agora uma nova etapa com a publicação, no ano em que se celebra o sexto centenário da conquista de Ceuta, de A minha História dos Descobrimentos
Mais uma excelente aposta da Porto Editora, com lançamento na cidade de Matosinhos na FNAC do NorteShopping dia 29 de novembro, às 17:00 horas...é a um domingo, excelente dia para o lançamento.
Na cidade de Lisboa o lançamento será dia 6 de dezembro às 11:00 horas, Bertrand do Chiado, igualmente num domingo. 

Leiam livros Porto Editora, uma editora sempre perto de si. 
Agora na época que se avizinha nada melhor que oferecer um bom livro, um amigo, uma viagem, compre livros da Porto Editora para oferecer às pessoas que ama neste Natal de 2015.

Boas leituras na companhia da Porto Editora.

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Minha opinião sobre o livro "Harry Potter e a Ordem de Fénix" da escritora J. K. Rowling


Harry Potter e a Ordem da Fénix

de J. K. Rowling;
Tradução: Isabel Fraga
Edição/reimpressão:2014
Páginas: 752
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722331005
Coleção: Estrela do Mar
Preço: 18.81 euros
Não comprei pois já o tinha desde que saiu.
Comecei a ler: 21-11-2015
Terminei de ler: 23-11-2015
Sinopse:
«Este tem sido um Verão ainda mais insuportável que o costume, para Harry Potter. Sozinho com os Dursleys, não consegue perceber por que razão Ron e Hermione lhe enviam respostas tão vagas às suas cartas. Isolado do mundo mágico a que pertence, Harry segue atentamente os noticiários, convencido de que até os Muggles se aperceberão de alguma coisa, Lord Voldemort voltar a atacar... E é então que os acontecimentos se precipitam. Parece impossível, mas, no bairro mais muggle do mundo muggle, Harry é emboscado por Dementors! Para salvar a sua vida e a do primo Dudbley, Harry não tem outra hipótese senão usar magia - mesmo sabendo que isso significará a sua expulsão mais que certa de Hogwarts. Enquanto o Ministério da Magia continua a não acreditar que o terrível Senhor das Trevas está de volta, Voldemort e os seus fiéis Devoradores da Morte já começaram a preparar o seu regresso ao poder. Porém, há uma nova esperança: uma antiga Ordem secreta, da qual os pais de Harry fizeram parte, voltou a organizar-se - Dumbledore está atento.
Harry Potter está de volta para mais um ano cheio de perigos, suspense, revelações inesperadas - e, claro, magia! Eis o tão aguardado quinto volume da série que tem vindo a encantar miúdos e graúdos no mundo inteiro, da autoria da incomparável J.K.Rowling.»retirado da contracapa do livro

Harry Potter e a Ordem da Fénix - Trailer

Minha opinião:
Mais uma releitura da maravilhosa saga do pequeno feiticeiro, Harry Potter, e os seus grandes amigos. Tal como o livro anterior, "Harry Potter e o Cálice de Fogo", mal comecei a ler este livro foi com muito custo que o fui colocando de parte para ir fazendo os meus afazeres. Confesso que quando li esta saga pela primeira vez este não foi o meu livro preferido e até demorei algum tempo, uma semana, para o ler. No entanto, desta vez foi diferente, talvez pelo facto de não ter tido de esperar um ano para o ler, como foi quando estes livros eram lançados. Como o li logo imediatamente a seguir ao anterior, achei o livro maravilhoso, adorei acho que passou a ser juntamente com o anterior um dos meus favoritos. Mas não gosto muito de referir que foi um dos meus favoritos, pois eu adoro esta saga todinha do princípio ao fim. A imaginação de Rowling deixa-me literalmente de "queixo caído", pois com a visualização dos filmes acabei por me esquecer de muitos pormenores dos livros, principalmente deste, não sei bem o porquê.
Este livro tem a continuação divina da saga, aqui já encontro o pequeno feiticeiro, como um grande feiticeiro. O modo como eles conseguem se reunir para fazer os treinos é fabulosa, bendita porta secreta. Adoro a personagem do padrinho do Harry Potter, é uma pessoa justa e amiga, representa bem o papel do pai que o Harry infelizmente nunca teve. 
Até dei por mim a gostar um bocadinho mais do primo Dudbley, coitado não passa de um miúdo mimado e que não se sabe defender sozinho e tornou-se um adolescente carregado de problemas, é o que dá o excesso de mimo que os seus pais lhe deram sempre. Continuo a achar a ideia do afastamento do Dumbledore e a sua substituição por Dolores Umbridge, nomeada directamente pelo Ministério da Magia uma ideia espectacular por parte da escritora.
Aliás cada vez mais admiro J.K.Rowling e logo que termine de ler esta saga fica prometido que no próximo ano de 2016 vou ler os outros livros que tenho dela cá por casa. Estou muito curiosa como será a sua escrita noutro género literário.
Bom com tudo isto, estou mais uma vez rendida à releitura desta saga, acho que foi uma ideia brilhante. Estou a adorar e vou já passar para o livro seguinte para não perder o ritmo.
Upa, não me posso esquecer que a batalha final é muito melhor no livro do que no filme mas isto é somente a minha opinião.
Recomendo vivamente a leitura ou releitura desta saga.
Classificação de 5 estrelas no Goodreads.
Boas leituras.

domingo, 22 de novembro de 2015

Divulgação Porto Editora | Ilustração | Luanda revisitada numa viagem de afetos - Angola: Muxima -

Porto Editora divulga mais um excelente livro onde podemos ver através de ilustrações e ler sobre Luanda revisitada numa viagem de afetos, num livro que tem a meu ver um título muito interessante "Angola: Muxima", vamos saber mais um pouco sobre este livro com a Sessão de lançamento: dia 25 de novembro, 18:00, na Casa de Angola, em Lisboa.

Angola:Muxima
Desenho e Texto Autores: Luís Mascarenhas Gaivão, Luís Ançã 
Editora:Porto Editora
Código: 04786
Edição/reimpressão: 2015
ISBN: 978-972-0-04786-1
Págs: 160 
PVP: € 19,90 
Preço WOOK: € 17,91

Angola: Muxima, desenho e texto, de Luís Mascarenhas Gaivão e Luís Ançã, e com prefácio de Manuel Rui, é apresentado no próximo dia 25 de novembro, pelas 18:00, na Casa de Angola, em Lisboa.

"Escrita que se desenha e desenhos que se escrevem num livro que entrega à arte a nossa calma, fantasia e paz”. Assim se refere Manuel Rui, um dos mais reconhecidos escritores angolanos, ao livro Angola: Muxima, desenho e texto, da autoria de Luís Mascarenhas Gaivão (textos) e Luís Ançã (desenhos), que será apresentado no próximo dia 25 de novembro, quarta-feira, pelas 18:00, na Casa de Angola, em Lisboa. Este é um livro de afetos por um país e o seu povo. Numa viagem que começa em Lisboa, os autores mergulham em Luanda e nos seus municípios para redescobrirem a geografia humana dos angolanos, fixando a sua humanidade, a sua alegria e a persistência na reconstrução dos sonhos." 

Angola: Muxima, desenho e texto
“os rostos, os amigos, as crianças, os mais velhos, as raparigas lindas, os senhores respeitáveis, os transportes públicos, as casas pobres e os palácios e igrejas, as árvores, os imbondeiros, jardins e largos, a baía, as praças e os mercados”, enfim, “o dia a dia com que se constrói a angolanidade”. 

Sinopse:
"Angola: Muxima, desenho e texto tem, neste texto polifónico, um objetivo limpo e claro: expressar pelo desenho de um urban sketcher e pelo texto localizado de um natural, os multímodos com que os angolanos constroem a nação angolana.
Esta nação é hoje o resultado transcultural de uma mobilidade intensa que a História testemunha. O legado africano bantu e não bantu, as realidades pluriétnicas em convivência, a influência da longa presença colonial portuguesa e brasileira e o resultado da vontade de ser Nação afirmam uma identidade plural, como desejavam os nacionalistas e o Presidente Agostinho Neto: um só povo, uma só nação, sempre plural.
Os autores, Luís Mascarenhas Gaivão (texto) e Luís Ançã (desenho), estiveram 15 dias mergulhados sociologicamente em Luanda e nos seus municípios. E construíram esta homenagem, pelo desenho natural que finta o turístico e o convencional e pelo texto que fala "aluandado", à natureza e humanidade dos irmãos angolanos. Aprenderam com eles como se constroem sonhos, como se conquista a vida, dura, implacável, mas  com o trunfo secreto da alegria e do recomeço. Por isso, é um texto de amor, que, tal como o tempo africano, nunca acaba e se prolonga nos corações que também os cazumbis vêm ocupar."retirado daqui
Os Autores:
Luís Mascarenhas Gaivão 
Nasceu em Luanda em 1948. Foi Adido Cultural em Angola de 1996 a 2001. Neste momento encontra-se a terminar o doutoramento em "Pós-Colonialismos e Cidadania Global", na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra/CES (Centro de Estudos Sociais, da mesma Universidade). Vem desenvolvendo um trabalho intenso sobre Angola e a angolanidade: culturas, literatura, artes, história, sociologia, numa perspetiva pós-colonialista. A análise preferencial centra-se no estudo da obra literária de Manuel Rui: os trânsitos dos angolanos pelo interior de Angola e pela diáspora cultural no Atlântico Sul e seus regressos à Mãe-pátria e as transculturações que promoveram.

Luís Ançã 
Nasceu em Lisboa em 1955. Formado em Artes Plásticas/ Pintura pela Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa. Artista Plástico com participação regular em exposições desde 1975. Professor de Educação Visual/ Artes Visuais desde 1978. Colabora com Urban Sketchers Portugal desde 2009. 

Mais uma excelente iniciativa da Porto Editora, não perca o lançamento de "Angola:Muxima"  no próximo dia 25 de novembro, quarta-feira, pelas 18:00, na Casa de Angola, em Lisboa.
Porto Editora a editora que está sempre perto de si à mais de 70 anos.
Boas leituras na companhia da Porto Editora.